Sete Alegrias

"Alegra-Te, Cheia de Graça…"

Nova Ordem Mundial – Bibliografia Básica

A bibliografia a seguir foi indicada pelo filósofo Olavo de Carvalho em seu programa Truoutspeak de 21 de fevereiro de 2011. São os livros básicos para quem quer entender o projeto de governo mundial idealizado pela Nova Ordem Mundial.

1 – Open Conspiracy, de W. G. Wells. Livro clássico sobre o projeto do governo mundial, elaborado nos anos 1930. O autor foi personagem importante nos círculos fabianos. O fabianismo é uma variante do socialismo, que pretende implantar o socialismo por meio de medidas legislativas e burocráticas, e não por meios revolucionários, que é exatamente o que está sendo feito no mundo.

2 – Tragedy and Hope: A History of the World in Our Time, de Carroll Quigley. O autor foi assessor de importantes figuras da Nova Ordem Mundial. Era adepto do governo mundial e acreditava que o tema devia ser aberto à discussão pública, ao contrário de outros ideólogos que pensavam ser melhor tocar o projeto de forma discreta, quase secreta.

3 – The Fearful Master, de G. Edward Griffin. Livro sobre a atuação da ONU, especialmente na África, onde a entidade arrasou dezenas de países, promoveu genocídio e instaurou ditaduras. Desmistifica a imagem da ONU como uma assembléia de países, sem poder.

4 – Brotherhood of Darkness, de Stanley Monteith. É o melhor livro sobre a participação de sociedades esotéricas e semi-secretas na Nova Ordem Mundial.

5 – False Dawn: The United Religions Iniciative, Globalism, and the Quest for a One-World Religion, de Lee Penn. Livro constituído sobretudo de documentos mostrando o desenvolvimento das discussões e projetos para fundir todas as religiões tradicionais numa religião biônica a ser implantada pela ONU.

6 – Global Bondage: The U.N. Plan to Rule the World, de Cliff Kincaid. Livro centrado nas iniciativas recentes das Nações Unidas e complementa o livro de G. Edward Griffin (The Fearful Master).

7 – Global Taxes for World Government, de Cliff Kincaid. Mostra a construção da base econômica para o governo mundial.

8 – Libido Dominandi – Sexual Liberation and Political Control, de E. Michael Jones. Expressão latina de Santo Agostinho, que significa O Desejo de Domínio ou A Volúpia de Poder. Há dois séculos, pelo menos, as campanhas de liberação sexual estão sendo usadas para criar controle social.

9 – The Devil’s Final Battle, do padre Paul Kramer. Mostra a formação poder mundial do ponto de vista da profecia de Fátima, que foi o acontecimento espiritual central do século XX. Fátima nos fornece um ponto de vista único para entender a unidade do processo.

10 – The True Story of The Bilderberg Group, de Daniel Estulin. O Bilderberg é um círculo de bilionários altamente influentes que se reune uma vez por ano pelo menos para fazer uma análise do estado do mundo e implementar os projetos de governo mundial.

11 – The Ascendancy of the Scientific Dictatorship: An Examination of Epistemic Autocracy, From the 19th to the 21st Century, de Phillip Daniel Collins e Paul David Collins. A função da ciência e da tecnologia na constituição do poder mundial.

12 – Les Espérances Planétariennes, de Hervé Ryssen. Livro sobre as mudanças do imaginário e do sentimento coletivo que estão sendo realizadas para tornar insensível a formação da nova ordem mundial, de modo que o poder mundial seja constituído diante dos olhos de todo mundo sem que as pessoas sequer percebam.

13 – Hope of the Wicked: The Master Plan to Rule the World, de Ted Flynn.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: