Sete Alegrias

"Alegra-Te, Cheia de Graça…"

Sete de Setembro

Sete de Setembro marca a data em que o Brasil deixou de ser dependente de Portugal. Em Lc 14,33, Cristo nos diz: “Do mesmo modo, portanto, qualquer um de vós, se não renunciar a tudo o que tem, não pode ser meu discípulo!” Em outras palavras, quem quiser ser verdadeiramente cristão, deve declarar a sua independência em relação a todas as coisas criadas e ter como prioridade a busca pela virtude e pela santidade pessoal. Como consequência, o cristão deve ser uma pessoa independente e madura.

Fôsse seguido este preceito, o Brasil não estaria na triste situação atual de dependência: dependente da Nova Ordem Mundial e do seu socialismo fabiano, dependente das ONGs internacionais, dependente da ONU e de suas organizações-satélite, dependente do Foro de São Paulo, e dependente de tantas outras organizações comunistas. Ludwig Von Mises, no livro Ação Humana, explica que o socialismo é derivado da imaturidade das pessoas que não se sentem capazes de cuidar de si mesmas e, por isso, recorrem à tutela do Estado; são pessoas dependentes e imaturas.

Ou seja, exatamente o oposto do ensinamento de Cristo.

Santo Agostinho já nos ensinava: a maior garantia de independência dos povos é o homem virtuoso; o homem com vícios, pelo contrário, traz o caos à sociedade e, junto, a necessidade do controle social por meio do Estado, dando margem às tiranias – mais vício, mais tirania; mais virtude, mais liberdade. Por isso, se quisermos tirar a nossa nação do atoleiro, temos que ter a coragem moral de colocar a vocação cristã à frente todos os nossos outros interesses.

Valentia moral: qualidade em falta em nosso país. Sem ela, a verdade é substituída pela conveniência e é por isso que vemos tanta gente acovardada, trocando a Verdade de Cristo por 30 moedas. Sem a valentia moral, sem dizer as coisas conforme as vemos, sem cumprir a nossa clara obrigação, estamos no rumo certo para uma doença mental.

Nós, nem doidos nem covardes, vamos renunciar a tudo por amor a Cristo e contribuir para a independência da nossa pátria.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: