Sete Alegrias

"Alegra-Te, Cheia de Graça…"

Vada a bordo!

Na noite de 13 de janeiro de 2012, o navio Costa Concórdia bateu numa pedra e adernou. Com medo, o capitão fugiu. O comandante da Guarda Costeira gravou os telefonemas nos quais manda o covardão reassumir o posto. Em fúria, grita:

– Vada a bordo! Volte para bordo! Já há cadáveres!!

Hoje, é Cristo quem grita: volte para bordo, volte para a Barca de Pedro, retome a sua batalha espiritual, já há cadáveres – os milhares de cadáveres dos brasileiros assassinados por ano, dos abortos, dos suicidas, das vidas destruídas dos drogados…

Você não vê o tamanho do buraco? Não vê que a crise mundial coincide com a própria crise da Igreja? Não vê que vivemos a civilização do conforto (ou da indiferença – é a mesma coisa) justamente o oposto da civilização do amor querida por Bento XVI? Nâo vê que a sua inação vai prestar contas destes mortos?

A Igreja está invadida – Maria avisou em Fátima: cuidado com a Rússia – por marxistas infiltrados (os padres pedófilos, os auto-proclamados teólogos da libertação). Se um bandido invadir a sua casa, o que você faz? Deixa ele lá e vai morar na rua? A Igreja é a sua casa, invadida por ladrões, tarados, assassinos e traficantes, e é seu dever expulsá-los a pontapés.

E como é que faz? Em primeiro lugar, santidade pessoal, pois a História é feita pelos santos (Gn 16, 26), com oração e penitência, confissão e comunhão – caso contrário, é hipocrisia. Depois, estudar para conhecer a realidade das coisas e poder AGIR – isso mesmo, o importante é lutar!

Veja o exemplo do Zé. Ouvia Missa e o padre elogiou o abortista e criptocomunista Barack Hussein Obama. Zé não teve dúvidas: finda a cerimônia, foi tirar satisfações com o sacerdote de satanás na sacristia. Ante a resoluta catadura de Zé, o padre balbuciou uma desculpa e se mandou, para nunca mais ser visto por lá.

Entendeu bem? É assim que se faz: pé no traseiro destes canalhas! Chega de bom-mocismo com comunista, chega de andar abraçado com traficante, chega de diálogo com estuprador. Aliás, os comunistas riem da sua ingenuidade burguesa.

Ah! isso é exagero, estas palavras não são para mim, eu sou filho da Igreja, não roubo, não minto, não traio…

“Ó Deus, eu te agradeço porque não sou como os outros homens, ladrões, desonestos, adúlteros, nem como este cobrador de impostos. Eu jejuo duas vezes por semana, e dou o dízimo de toda a minha renda.”

Mas Cristo vocifera: hipócrita, sepulcro caiado, as prostitutas entrarão no Céu antes de você! Em fúria, grita:

– Já há cadáveres! Vada a bordo!

***

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: