Sete Alegrias

"Alegra-Te, Cheia de Graça…"

A Casa Grande de Haddad

O prefeito Fernando Haddad lançou a proposta do IPTU progressivo, nome bonito para um projeto cuja intenção é tirar mais dinheiro da gente. A FIESP entrou com uma ação no Judiciário e conseguiu barrar a insanidade.

Inconformado, Haddad disse que Paulo Skaf, presidente da Federação das Indústrias, representa a Casa Grande, o senhor de escravos, desejoso de manter os seus privilégios em detrimento da penosa situação do povo habitante da senzala.

A réplica de Skaf foi sensacional:

– Realmente, como o IPTU progressivo atingiria quase toda a população, seria preciso uma casa muito grande para abrigar todos os prejudicados.

Bom humor à parte, o episódio não tem nada de divertido para nós, escravos pagadores de impostos, brasileiros de um país socialista, praticante da velha tática leninista de subjugar o povo por meio de impostos, cuja carga tributária ultrapassa 60% segundo cálculos de Ives Gandra, cuja elevação dos juros em 2013 só perde para o aumento ocorrido na Gâmbia. É a sociedade dual: governantes e governados, elite e massa, senhores e escravos.

Contra a sanha arrecadatória, ponta-de-lança do sistema socialista, só há uma saída, ensinada por Ion Mihai Pacepa: a luta pela mente dos homens, a guerra cultural, a substituição do sentimento infantil do brasileiro – que busca na tutela do Estado a proteção para a sua inépcia – pela livre iniciativa, pela autonomia e pela maturidade.

Afinal de contas, quem você acha que cuida melhor do seu dinheiro?

Você ou o prefeito?

***

4 Respostas para “A Casa Grande de Haddad

  1. Pingback: A casa grande de Fernando Haddad - Epoch Times em PortuguêsEpoch Times em Português | Leia a diferença

  2. Geraldo Caetano 26/12/2013 às 18:00

    Parabéns pelos belos comentários lúcidos. Posso na minha humilde ignorância dizer que faço minhas as suas palavras. Em um mundo secularizado, globalizado e outros ados, de homens pós-modernos dotados de mentes jurácicas, lamentavelmente já perdemos muitas batalhas. O papa Francisco no seu livro “A Alegria do Evangelho” da Edit. Paulinas, aníma-nos a não desistir diante da cultura demoníaca. Continue dai que vou-me reforçando com as suas e com leituras outras lutando pelo Reino do Senhor Jesus Cristo Chagado e Ressuscitado.

    Paz e bem, Deus o abençoe!

    Caetano

  3. Geraldo Caetano 26/12/2013 às 18:08

    Aqui em Araraquara SP, o aumento foi obsceno também. Com uma Câmara M. e um Executivo de baixíssimo nível e absolutamente descompromissados, os 8% obedece a uma matemática confusa capaz de surrupiar os mais pobres e os que não se consideram tanto assim. Cheguei a me animar a pedido de alguns amigos, a canditar-me a vereador. Mas o medo, a fobia mesmo de ser mais um num chiqueiro desgraçado e demoníaco assombram, minha consciência católica. Vou prestando e rezando.
    Caetano

  4. Geraldo Caetano 26/12/2013 às 18:09

    Desculpem-me o percentual de aumento do IPTU não é de 8%, antes sim de 12% aqui em Araraquara. DOZE!

    Caetano

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: